1 de out de 2014

23 de ago de 2014

Meditei sobre as borboletas. Vi que elas podem pousar nas flores e nas pedras sem magoar as próprias asas.

Não quero nada disso em volta, eu quero encontrar outra coisa.

Um milhão vezes zero é zero. Ou seja: não coloque sua intensidade onde não tem nada.

22 de ago de 2014


(Em: O Contrato)

17 de ago de 2014

Assim é: o que a memória ama fica eterno. E eternidade não é o sem-fim. Eternidade é o tempo quando o longe fica perto.

6 de ago de 2014

São tudo histórias, menino. A história que está sendo contada, cada um a transforma em outra, na história que quiser. Escolha, entre todas elas, aquela que seu coração mais gostar, e persiga-a até o fim do mundo. Mesmo que ninguém compreenda, como se fosse um combate. Um bom combate, o melhor de todos, o único que vale a pena. O resto é engano, meu filho, é perdição.

1 de ago de 2014


16 de jun de 2014

Quem fixa seu olhar em uma estrela, não muda de ideia.
Aquilo que é bom, e de verdade, e forte, e importante - coisa ou pessoa - na sua vida, isso não se perde.

Na vida, as coisas mais doces custam muito a amadurecer...

8 de mai de 2014

Precisamos sentir a vida e os corações que pulsam dentro dela, provar do amargo e do doce e ter a certeza de não estarmos sós.
Embora parecesse expansiva e cordial, tinha um temperamento solitário e um coração impenetrável.
Não há necessidade de grelhas, o inferno são os outros.

22 de abr de 2014

A solidão em si é muito relativa. Uma pessoa que tem hábitos intelectuais ou artísticos, uma pessoa que gosta de música, uma pessoa que gosta de ler nunca está sozinha. Ela terá sempre uma companhia: a companhia imensa de todos os artistas, todos os escritores que ela ama, ao longo dos séculos.
Já parou pra pensar que você pode abrir dez portas fechando uma?
As vezes tarde demais,
é a hora certa.
Algumas pessoas escolhem ser livres. Outras não têm chance de escolha, apenas são. E nunca mudam, mesmo que queiram. É uma questão de fase: paixão não revelada é paixão morta, amor não demonstrado é amor morto. Só mais uns dias e pronto. Estarei oficialmente no limbo, na liberdade anestésica de absolutamente nada sentir.

Corte-me os pés, tenho asas.


21 de abr de 2014


A borboleta fazia esquecer a crisálida.

15 de abr de 2014

Dentro da igreja, ajoelhe-se. 
No estádio de futebol, grite pelo seu time. 
Numa festa, comemore. 
Durante um beijo, apaixone-se. 
De frente para o mar, dispa-se. 
Reencontrou um amigo, escute-o.
Ou faça de outro jeito, se preferir: dentro da igreja, escute-O. 
Durante um beijo, dispa-se. 
No estádio de futebol, apaixone-se. 
De frente para o mar, ajoelhe-se. 
Numa festa, grite pelo seu time. 
Reencontrou um amigo, comemore.
Esteja, entregue-se.

12 de abr de 2014

Que Deus ouça também as preces que lhe dirijo quando me parece que eu não acredito em mais nada. Quando sou incapaz de ver qualquer coisa além do foco onde coloco a minha dor. Quando não consigo articular meus pensamentos nem entrar em contato com alguma doçura que me faça lembrar das coisas que realmente nos movem. Quando não lhe dirijo nenhuma prece. Nem com palavras. Nem com um sorriso enternecido quando dou de cara com uma flor. Com um pôr-de-sol. Com uma criança. Com uma lua cheia. Com o cheiro do mar. Com o riso bom de um amigo. Que ele me ouça com o seu ouvido amoroso e me acolha no seu coração, porque é exatamente nesses momentos que eu não consigo ouvi-lo em mim.

21 de mar de 2014



16 de mar de 2014


Às vezes não parece, mas você é adorável, garota. E se o mundo não tem dado a mínima pra você, o azar é do mundo, e não seu.
Eu tenho medos bobos e coragens absurdas.
E afinal o que quero é fé, é calma, e não ter essas sensações confusas.
Você ir é uma escolha sua, não permitir que volte é uma decisão minha.
Desculpem, sou antiga. Gosto de andar de mãos dadas. E mais do que beijos e amassos, quero amor e continuidade.
Pensamentos, assim como cabelos, também acordam bagunçados.

12 de mar de 2014

É chatinho, né? Quando uma pessoa entra na tua vida, faz você se acostumar a falar com ela todos os dias, te vicia na presença dela, te faz gostar das manias dela, do jeito dela, e depois… Some, desaparece. Aí tu tem que agir como se não ligasse. Mas você liga, mesmo assim.
Ela sorriu, então um dos cantos da boca ergueu-se fazendo subir também uma das sobrancelhas, enquanto o olho quase fechava, embora brilhasse mais intenso assim, por entre as pálpebras meio inchadas, quase invisível. Tinha um pouco de criança quando sorria desse jeito. E de demônio. Demônio astuto, pensou.


8 de mar de 2014

A vida é tão maravilhosa porque também é feita de colos, de feridas que cicatrizam, de amigos que celebram ou choram junto. Feita de pessoas apaixonadas e apaixonantes, possíveis e impossíveis, pessoas que machucam, pessoas que chegam pra curar.
Às vezes me pergunto se existe algo de errado comigo. Talvez eu gaste tempo demais na companhia de meus heróis românticos literários, e consequentemente meus ideais e expectativas são extremamente altos.
É como tudo o mais. Uma questão de equilíbrio. Saber para que coisas devemos nos atirar e quais devemos deixar quietas.
Começa-se por desaprender de amar os outros e termina-se por não encontrar nada mais digno de amor em si mesmo. A mais perigosa desaprendizagem.
Mas às vezes, você só esqueceu de que, entre todas as coisas mais bonitas que se pode ser, a mais bonita é ser você.
Eu odeio o seu cinismo, sua incapacidade de clarear as coisas, sua habilidade em ser outra pessoa de um minuto para o outro.

5 de mar de 2014

Que coisa bonita essa de conquistar sempre e sempre e sempre. De verdade, acho nobre. O amor é um sentimento tão belo para ficar assim esquecido, jogado, deixado de lado. Cada vez que vejo um senhorzinho olhando para a senhorinha com aquele olhar de poxa-você-é-tudo-o-que-eu-queria, abro um sorriso. E penso que vale, sim, a pena acreditar. Não é mágica, é só cuidado. Bem mais simples do que parece. Mas é preciso querer com o corpo inteiro.
Às vezes as pessoas são tão bonitas! Não pela aparência física nem pelo que dizem. Só pelo que são.

1 de mar de 2014

Há sempre uma pessoa na sua vida, a qual, não importa o que ela faça com você, você apenas não pode deixá-la ir.

Para todo fim, um recomeço.

Lembrando que sempre há uma outra chance, uma outra amizade, um outro amor, uma nova força. Para todo fim, um recomeço.

Não tenho muito além de uma certa fé.

Gosto muito de você gosto muito de você gosto muito de você sem pausas. Aos caminhos, entrego o nosso encontro e se tiver que ser, como tem que ser, do jeito que tiver que ser, a gente volta um dia. Da maior importância, meu bem. That’s it! Esteja bem. Queira estar bem. Como se fosse verdade, um beijo.
Das habilidades que o mundo sabe, essa ainda é a que faz melhor: Dar voltas.
Não sinto raiva, não sinto nada. Sinto saudade, de vez em quando. Quando penso que podia ter sido diferente.

20 de fev de 2014



Uns vão, uns tão, uns são, uns dão, uns não, uns hão de. 
Uns pés, uns mãos, uns cabeça, uns só coração.
E mesmo que tudo dê errado, mesmo assim, não tem problema. Eu deito no telhado de uma casa qualquer, olho pro céu e invento uma nuvem que chove sorrisos, bem em cima de mim.

Paciência: O intervalo entre a semente e a flor.


Aprendi também, que os relacionamentos que mais deixam marcas são os que acabam de uma maneira inacabada, aqueles que você bota um ponto final no lugar de uma vírgula.