28 de fev de 2012

Onde já se viu o mar apaixonado por uma menina? Quem já conseguiu dominar o amor? Por que é que o mar não se apaixona por uma lagoa? Porque a gente nunca sabe de quem vai gostar.

Deus marcou o tempo certo para cada coisa.
Já aconteceu de eu quase chorar por ter tropeçado na rua, por uma coisa à toa. É que, dependendo da dor que você traz dentro, dá mesmo vontade de aproveitar a ocasião para sentar no fio da calçada e chorar como se tivéssemos sofrido uma fratura exposta.

23 de fev de 2012

Sim, eu pensei muitas vezes em correr até onde você está, lhe dá um abraço apertado e logo em seguida, te beijar. Sim, eu correria na chuva para lhe pedir desculpas, falando com sinceridade, eu seria capaz de fugir para ir de encontro ao seus carinhos. Mas a vida me ensinou, não devo dá tudo de mim à alguém que nunca compreenderá e fará o mesmo por mim.
Arreda a tristeza que seu dia há de chegar.
Orar não é pedir, orar é a respiração da alma.

20 de fev de 2012

O Bordador

Chega um momento em que a gente se dá conta de que, às vezes, para sermos verdadeiros com nós mesmos, precisamos ter o desprendimento para abençoar as tentativas sem êxito, agradecer pelo o que cada uma nos ensinou, e seguir. De que, às vezes, para se reconstruir, é preciso demolir construções que, por mais atraentes que sejam, não são coerentes com a ideia da nossa vida. A gente se dá conta do quanto somos protegidos quando estamos em harmonia com o nosso coração. De que o nosso coração é essencialmente puro. Essencialmente, amoroso, o bordador capaz de tecer as belezas que se manifestam no território das formas. De que, sabedores ou não, é ele que tem as chaves para as portas que dão acesso aos jardins de Deus. E, vez ou outra, quando em plena comunhão criativa, entra lá, pega uma muda de planta e traz para fazê-la florescer no canteiro do mundo.

O Vento



Posso ouvir o vento passar, assistir à onda bater, mas o estrago que faz a vida é curta pra ver...
Eu pensei.. Que quando eu morrer vou acordar para o tempo e para o tempo parar:
Um século, um mês, três vidas e mais um passo pra trás?
Por que será? ... Vou pensar.

- Como pode alguém sonhar o que é impossível saber?
- Não te dizer o que eu penso já é pensar em dizer e isso, eu vi, o vento leva!
- Não sei mais sinto que é como sonhar que o esforço pra lembrar é a vontade de esquecer...
E isso por que?
Diz mais!
Uh... Se a gente já não sabe mais rir um do outro meu bem, então o que resta é chorar e talvez,
se tem que durar, vem renascido o amor bento de lágrimas.
Um século, três, se as vidas atrás são parte de nós.
E como será?
O vento vai dizer lento o que virá, e se chover demais, a gente vai saber, claro de um trovão,
se alguém depois sorrir em paz.
Só de encontrar... Ah!

19 de fev de 2012

O QUE HÁ DE ERRADO EM SER VOCÊ MESMO?

Quem tem um sonho não dança, meu amor.

Compreenda, eu só preciso falar com você. Não importam as palavras, os gestos, não importa mesmo se você continua a fugir e se empareda assim, se olha para longe e não me ouve nem vê ou sente. Eu só quero falar com você, escute.

Juro beijar teu corpo sem descanso.

Beijo teus pés, me perco entre teus dedos
Luzes ao norte, pernas são estradas
Onde meus lábios correm a madrugada
Pra de manhã chegar aos teus segredos

18 de fev de 2012

Você me provoca, você me pertuba, joga água e sai correndo. Atira a pedra e me acerta de raspão, me espia no escuro e mostra a língua, me xinga, me atiça. Invade o meu sossego, meu refúgio, pisa no meu ninho com os sapatos sujos, na minha toca, sem saber o meu tamanho, até onde vai meu bote, você me provoca achando que não há perigo. Sem conhecer a força da minha mordida, o tamanho dos caninos, você me provoca, sem esperar a picada, sem saber que ainda não inventaram antídoto pro meu tipo de veneno.
Virava pra lá e pra cá na cama. Estava impaciente (...)
Até me sentei no escuro.
Pensei: Não era uma posição o que eu procurava.
Era você.
Esperar dói. Esquecer dói. Mas não saber se deve esperar ou esquecer é a pior das dores.
As palavras saem quase sem querer
Rezam por nós dois
Tome conta do que vai dizer.
Elas estão dentro dos meus olhos
Da minha boca, dos meus ombros
Se quiser ouvir é fácil perceber.

Não me acerte, não me cerque
Me dê absolvição
Faça luz onde há involução.

17 de fev de 2012

Só há uma coisa na vida que precisamos aprender, e ninguém ensina isso nas escolas. A capacidade de suportar.

Ah, como eu queria que o vento levasse nossas asperezas, nossos ruídos, nossas palavras duras. E que nosso coração não empilhasse uma mágoa em cima da outra. E que a gente cicatrizasse rápido. E que as cicatrizes se transformem em marcas bonitas.

13 de fev de 2012

Tão estranho carregar uma vida inteira no corpo e ninguém suspeitar dos traumas, das quedas, dos medos, dos choros.
Mas os ombros não tremiam, e não havia nenhuma contração em sua boca, nenhum som em sua garganta. Sem revolta, ela aceitava. (...) E chorava pela perdição de aceitar o que não pode ser modificado.

E mesmo sorrindo por ai, cada um sabe a falta que o outro faz.

E agora o amanhã, cadê?

11 de fev de 2012

"Teu lar é no reino divino."

E por mais difícil que seja, eu sei que Deus tem também um propósito bem maior que todo esse sofrimento. Uma vida que se vai causa uma dor gritante, que corrói por dentro, e a conformidade é quase que inalcançável. Mas nesse momento eu prefiro pensar que ao menos tive a chance de conhecer uma pessoa tão maravilhosa como foi a minha voinha. Eu não tenho como descrever tantos momentos alegres, tantos sorrisos bobos que demos, e apesar dos conflitos, o que posso resumir de tudo é que jamais tive um amor igual a esse. Vó, o céu ganha mais uma estrela, e nós aqui ganhamos um anjo. A tua partida não foi por acaso, o teu chamado foi especial. As lembranças que ficaram não serão esquecidas, vou levá-las por toda a vida comigo, vou sorrir sempre que lembrar o quão boa foi a sua passagem em minha existência. Que daí onde estás olhe por todos nós, guia-nos. Um dia iremos novamente poder estar juntas, mas até lá a saudade e a falta que fazes é o que marca. Saudade é isto, é sentir que existe o que não existe mais. Te amo, minha flor, obrigada por tudo. Porque tudo finda, menos o amor, pois este sempre viverá. 

9 de fev de 2012


A vida real não corresponde aos relatos dos contos de fada. Não estamos acostumados a encontrar fadas madrinhas, que transformam, num toque de mágica, a borralheira em princesa admirável. O processo humano é doloroso. Nossos sapatos não são de cristais, nossos cavalos são mancos e não há carruagens paradas ás portas de nossas casas esperando para nos levar aos destinos de nossos sonhos. A vida nos mostra que transformações mágicas não existem, da mesma forma como amores perfeitos estão distante de nossos olhos.
O que temos e podemos é a aventura de encontrar alguém, e ao lado dele construir uma história de vida comum, felicidade que nasce do duro processo de sermos promotores uns dos outros por meio do amor que sentimos.

4 de fev de 2012

Acho que crescer é um pouco disso...Ir dizendo adeus pras coisas...

"Deus disse: De maneira alguma te deixarei, nunca jamais te abandonarei."
Amor pelo que faz. Amor pelo espelho. Amor pela família. Amor pelos amigos. Amor pelo bichinho de estimação. Amor pelo outro. Amor de volta. Porque dar amor é bom. Mas receber amor também é melhor ainda. Quem não gosta? Desculpa, mas meu coração não entende muito bem a solidão. Gosto de abraço de urso, beijo estalado, carinho no cabelo e sorriso bem largo, espaçoso, verdadeiro.

Feliz: esqueça que foi e seja.